Começa amanhã o Planeta no Parque 2011!

Desde 2007, o Planeta Sustentável “invade” o Parque Ibirapuera com seu Planeta no Parque para mostrar como a sustentabilidade pode ser praticada, em nosso dia a dia, de um jeito muito natural. Esta 4ª. edição do evento inspira-se no Ano Internacional das Florestas, instituído pela ONU, para aproximar esse tema da metrópole e de seus moradores. É a integração entre floresta e cidade. No primeiro dia, o show “Música de Brinquedo”, da banda Pato Fu, inaugura a programação especial, repleta de atividades lúdicas e culturais para divertir crianças e adultos e ampliar seu olhar sobre esses ecossistemas e sua ligação íntima com a cidade, para além da paisagem. Durante quatro dias, a “floresta” do Planeta no Parque ficará sediada na Marquise do Ibirapuera, mas o público presente ainda poderá participar de atividades ao ar livre para explorar as belezas naturais e curiosidades deste que é o parque símbolo da cidade de São Paulo.

E mais uma boa notícia!!!

A WWF-Brasil também estará presente na quarta edição do Planeta no Parque, de 22 a 25 de janeiro, para apresentar ao público a edição 2011 da Hora do Planeta. A iniciativa, que acontecerá em 26 de março, convida pessoas de todo o mundo a apagar, por uma hora, as luzes de suas casas, em protesto ao aquecimento global.

No dia 22 de janeiro, às 17h, a ONG realizará no Parque Ibirapuera, dentro da Oca do Planeta Sustentável (para saber mais, leia o post Uma floresta nascida das sobras), a atividade “WWF-Brasil: Mobilização e Conservação”, que, além de apresentar ao público a campanha Hora do Planeta, exibirá o documentário Tabuleiro do Embaubal e os quelônios da Amazônia.

Com 18 minutos de duração, o filme mostra o nascimento de milhares de tartarugas-da-Amazônia na praia de Juncal, no Pará, e ainda narra a luta de pesquisadores, estudantes e ribeirinhos para garantir que a espécie continue se reproduzindo no local.

Já nos dias 23 e 25 de janeiro, às 15h30 e 17h, respectivamente, a WWF promoverá a Oficina de Sombras de Animais, que ensinará os participantes a reproduzir espécies da nossa fauna no escuro. A ideia é que os visitantes do Planeta no Parque aprendam a técnica e disseminem para seus amigos, para que todos tenham um passatempo no dia 26 de março, quando as luzes do mundo se apagarem por uma hora, em protesto ao aquecimento global!

Confira a programação completa aqui.

Programação das caminhadas no Planeta no Parque.

Fonte: PLANETAsustentável

Anúncios
This entry was posted in Instituto Ecoar para a Cidadania and tagged by ecoarcidadania. Bookmark the permalink.

About ecoarcidadania

O Instituto Ecoar é uma organização da sociedade civil de interesse público (OSCIP), sem fins lucrativos, que atua com educação ambiental para sustentabilidade, mudanças climáticas, programas e projetos de florestas, recursos hídricos, cidadania e desenvolvimento local sustentável. Nossa missão é contribuir para a construção de sociedades sustentáveis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s